Fibromialgia

A fibromialgia é uma síndrome que provoca dores em todo o corpo por longos períodos. Conheça as causas, os sintomas da fibromialgia, os tratamentos, e como a Acupuntura pode ajudar você.

O que é fibromialgia?

A fibromialgia é uma síndrome clínica que se manifesta, principalmente, com dor no corpo todo. Além da dor, o indivíduo com fibromialgia apresenta outros sintomas como cansaço crônico (fadiga), problemas de sono, problemas de humor como ansiedade e depressão, dificuldade para se concentrar, problemas de memória, alteração intestinal, entre outros.

O que causa a fibromialgia?

Não existe uma causa definida, mas estudos mostram que o cérebro das pessoas com fibromialgia fica mais sensível a estímulos dolorosos e táteis, amplificando a dor. É comum a fibromialgia aparecer depois de um trauma psicológico ou físico, como por exemplo separações conjugais, perda de alguém querido, sofrer assaltos ou acidentes. No entanto, é errado a concepção ultrapassada de que a dor da fibromialgia é uma “dor psicológica”, uma “invenção da cabeça da pessoa”. Diversos estudos com imagens do cérebro mostraram que o indivíduo realmente está sentindo a dor, mas que o modo que o cérebro interpreta a dor é que ocorre de modo exagerado.

Quem tem fibromialgia?

A fibromialgia é muito frequente, acometendo cerca de 2-3% da população brasileira. É muito mais comum em mulheres do que homens, principalmente na faixa entre 30 e 55 anos. No entanto, pode acometer crianças e idosos também.

O que sente a pessoa com fibromialgia?

A principal queixa das pessoas acometidas com fibromialgia é a dor no corpo todo, com sensibilidade aumentada até para toque e aperto da pele. Essa dor é percebida principalmente quando se palpa os músculos do corpo. O indivíduo com fibromialgia tem dificuldade para dizer se a dor acontece nos músculos, nos ossos ou nas articulações (“juntas”).

Outra queixa bastante incapacitante é o cansaço, a dificuldade para dormir bem e a sonolência excessiva durante o dia. Muitas vezes a pessoa tem dificuldade para pegar no sono, ou então acorda diversas vezes durante a noite, ou até mesmo dorme várias horas seguidas mas quando se levanta da cama sente que não conseguiu descansar (o chamado “sono não reparador”).

Outros sintomas que podem aparecer é a incontinência urinária, o intestino solto, a sensação de formigamentos no corpo e a sensação de que o corpo está sempre inchado.

Além disso, a pessoa pode ter problemas de memória e para se concentrar nas tarefas do dia-a-dia e ter problemas de humor, como depressão e ansiedade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *